A Frente em Defesa da EBC e da Comunicação Pública lança nesta terça-feira (26) a Ouvidoria Cidadã da EBC, em atividade no Fórum Social Mundial (FSM) 2021. O objetivo do projeto é analisar conteúdos publicados e veiculados pela Empresa Brasil de Comunicação com o olhar dos princípios da comunicação pública, que deveriam orientar a produção da TV, agências de notícias e emissoras rádios da EBC.

O primeiro relatório foi lançado no dia 16 de dezembro e agora a Ouvidoria Cidadã da EBC marca presença no FSM, em formato virtual, dando mais um passo na consolidação do projeto. Serão apresentados o site da organização e as versões em inglês e em espanhol do relatório resumido.

A criação da Ouvidoria Cidadã da EBC se faz necessária diante da cassação do Conselho Curador, em 2016, e da transformação da Ouvidoria da EBC em aparato de comunicação institucional, em 2018, que deixou de exercer a análise crítica dos conteúdos e não zela pela aplicação da lei pela empresa.

Este primeiro relatório traz de forma amostral análise de conteúdos publicados e veiculados durante o ano de 2020 pela Agência Brasil, Radioagência Nacional, TV Brasil, Radiojornalismo e postagens nas Redes Sociais da EBC.

Em defesa da EBC e de uma comunicação pública independente e que tenha compromisso com a sociedade!

SERVIÇO:
Lançamento do site da Ouvidoria Cidadã da EBC e relatórios em inglês e em espanhol no Fórum Social Mundial

Dia 26/01 (terça-feira), 17h (horário de Brasília, 20h GMT)

Disponível em:

Debatedores:

Rita Freire – Jornalista, ex-presidenta do Conselho Curador da EBC

Laurindo Leal Filho – Professor da ECA/USP e 1º Ouvidor-geral da EBC

Pedro Aguiar – Professor de Jornalismo da UFF, especialista em agências de notícias

Mariana Martins – Intervozes

Kristian Porter – Public Media Alliance

Mediação: Guilherme Strozi – Ex-representante dos empregados no Conselho Curador da EBC

E-mail: ouvidoriacidadaebc@gmail.com

Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *

Postar Comentário